Adaptações da interatividade

Vivemos em um tempo que não saímos de casa sem celulares, e nossos dedos ficam frenéticos junto aos nossos aparelhos, são tantas novidade e aplicativos que não sabemos a hora de parar. Os mais baixados são, normalmente, aqueles que nos permite trocar mensagens, ficar em contato com os amigos, criar grupos online, enviar mensagens com imagens, vídeos ou áudio. E o fato de serem tão simples, úteis e interativos também os tornam viciantes.

Sem títuloO problema da conexão em demasia faz com que as pessoas esqueçam-se de suas vidas “reais”. É comum irmos a restaurantes com amigos e ao invés de conversarmos e aproveitarmos o momento, ficarmos mais preocupados em olhar nossos smartphones, checar o Whatsapp e tirar fotos pra postar no Instagram. Adaptando-se aos tempos modernos onde não tiramos os olhos da telinha ao alcance das mãos, diversos lugares criaram estratégias que incentivam que as pessoas não usem seus smartphones.

Algo surpreendente, mas também mundial! Um ótimo exemplo é do israelense Jawdat Ibrahim, dono do restaurante Abu Ghosh, localizado em uma vila próxima a Jerusalém. Ele promete dar 50% de desconto na conta para quem desligar o smartphone enquanto estiver no local. Ibrahim inaugurou seu restaurante em 1993, e ele afirma que à medida que os aparelhos tornam-se mais sofisticados, a distância entre as pessoas vai ficando cada vez maior.

Olhando por outro ângulo…

Diversos lugares adaptaram-se de modo que nos incentivam a usar cada dia mais os nosso aparelhos. Lojas que mostram seus produtos através do instagram, assim como restaurantes compartilhando seus cardápios. Percebendo que as pessoas gostam de tirar fotos dos pratos que estão pedindo, o restaurante Comodo, localizado em nova York, criou a hashtag #ComodoMenu  a qual era divulgada na página e incentivava as pessoas a usarem a tag.

No final das contas essa ação vem com a mesma ideia de uma divulgação boca a boca. É como se o amigo ou a pessoa que postou a foto estivesse indicando o prato, fazendo com que o restaurante criasse um cardápio em uma rede social através de crowdsourced. As redes sociais estão cada dia mais em uso, e o mundo vem adaptando-se a todas as novidades tecnológicas que surgem em grande demanda.

Saber usar nossos aparelhos tecnológicos para facilitar nossas vidas é ótimo, mas é necessário que haja a separação para os momentos que nossos dedos ficarão freneticamente digitando ou não. Você se identificou com esse texto? Comente o que achou.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: